Her Campus Logo Her Campus Logo
girl in front of colorful mural eating ice cream
Kristen Bryant / Her Campus
Experiences

Sorvete Vegano Com Base De Leite Vegetal: Um Estilo De Vida Cremoso E Sem Crueldade Animal

Sorvete sem leite é possível? E é cremoso? Segundo Maurício Moron, um dos sócios da gelateria artesanal Alfreddo Veggani (@alfreddoveggani), o sorvete vegano deu origem a uma oportunidade de negócio em São Paulo. 

Em meio a uma realidade ambiental cada vez mais difícil de reverter, substituir o leite é uma pequena atitude para impactar os 250 litros de metano produzidos diariamente por cada vaca ou boi na indústria da agropecuária.

O sorvete, em especial, é um produto com procura volumosa em nosso país. De acordo com Associação Brasileira das Indústrias e do Setor de Sorvetes (Abis), o Brasil é o 10º produtor mundial. Na região sudeste, em especial, o consumo representa 52% de todo o país.

Entretanto, mesmo com a procura de sorvetes veganos por adeptos deste estilo de vida e pessoas com intolerância à lactose, antes da Alfreddo Veganni não haviam sorveterias sem ingredientes de origem animal na capital paulista. A ideia começou após uma viagem de Edson Borba, sócio de Moron, para a Índia, onde surgiram diversos insights sobre alimentação saudável e sustentável.

A parceria entre os amigos demorou um ano e meio para sair do papel. “Foi um investimento de risco, estudamos gelateria tradicional fora do país, fizemos e refizemos todas as nossas receitas, testamos com amigos e parentes cada sabor”, conta Moron.

Sorvete sem leite?

A aposta foi deixar em segundo plano as clássicas receitas caseiras de banana ou abacate para apostar em gelatos com leites vegetais e sorbets de pura fruta – com base de água ou chás -, livres de gordura hidrogenada e soja.

Mesmo sem lactose, a marca garante a cremosidade, por meio de diferentes técnicas para cada sabor e tipo de leite vegetal. Além disso, quase todos os sabores também não contém glúten.

Não é só um sorvete vegano

A Alfreddo Veggani possui duas unidades na cidade de São Paulo, localizadas na Vila Mariana e Augusta. De terça-feira a domingo, os clientes encontram uma variedade ampla de sabores de sorvetes veganos, incluindo clássicos como flocos e baunilha, como também chá verde Matchá, graviola e physalis.

Para quem reside na cidade e não pode ir até o local, vale pedir online – o pote individual, por exemplo, custa 13 reais. Os sabores mais populares são cana & capim e três limões.

E você, vai experimentar o sorvete sem crueldade animal mais cremoso de SP?

A Alfreddo Veggani pode ser encontrada na Rua Dona Inácia Uchoa, 271 e Rua Fernando de Albuquerque, 184. Você pode pedir também pelo iFood, Goomer ou telefone. 

Confira todas as informações e cardápio aqui!

Aproveite e participe do sorteio da HC Cásper Líbero com a marca para garantir seu sorvete vegano! Todas as informações estão no nosso post do Instagram.

——————————–

O artigo acima foi editado por Carolina Grassmann.

Gosta desse tipo de conteúdo? Confira a página inicial da Her Campus Cásper Líbero para mais!

🍦 Related: Como Criar Uma Marca Sem Romantizar O Empreendedorismo: Relatos De Uma Garota De Negócios

The Her Campus National Editors write about products we love and think you’ll love too. Her Campus has affiliate partnerships, so we get a share of the revenue from your purchase. All products are in stock and all prices are accurate as of publication.

Journalism student of Cásper Líbero University and Senior Editor at Her Campus . Follow me: @gabs_sartorato
Similar Reads👯‍♀️